Dói

Guardar sentimentos dói.

Segurar o choro, prender o grito, apertar o peito, sentir o nó da garganta. Dá úlcera, câncer, causa mau humor. Destrói amizades que um dia foram sinceras. Amores que um dia foram feitos apenas de alegrias e beijos.

Todos somos humanos. E orgulhosos. Erramos sim, mas quase sempre na intenção de acertar. O que nos diferencia uns dos outros é o tamanho da capacidade de pedir desculpas. De assumir os nossos erros, abaixar a cabeça e dizer o que realmente sentimos.

Chorar se for preciso, abraçar forte como se num abraço pudéssemos voltar no tempo e retirar as coisas que foram ditas da pior forma possível. Porque sabemos: é tudo sempre dito meio que atravessado quando estamos chateados.

Nosso desafio maior? Saber segurar a onda, não usar as pessoas como válvula de escape e descontar nossas frustrações. Saber diferenciar quem realmente tem a ver com o problema em questão. E até que ponto culpá-los por isso.

Algumas pessoas parecem ter prazer em fazer outras se sentirem mal. Essas são perigosas: Vivem testanto os limites da paciência e amizade humana. Até que uma das partes se cansa e  desiste.

E de novo, famílias se destroem, relacionamentos se acabam e amizades se esvaem. Por pura idiotice. Puro orgulho.

Pura incapacidade de pedir desculpas.

Por isso, fica aqui o meu conselho: se você tem algo a dizer, não deixe para depois. Não guarde sentimentos. Não abaixe sempre a cabeça. DIGA o que sente, o que pensa. Converse, e o mais importante: saiba escolher as palavras. Jamais use de grosserias ou ofensas para se expressar.

Lembre-se que todos temos sentimentos, e que dói ofender. Que certo e errado não existe. Avalie pontos de vista diferentes, espere a poeira baixar….E peça desculpas quando necessário.

Escolha ser feliz ao invés de estar sempre certo.

SaiDaqui!

autor: Amanda Armelin

Bocuda, nerd, tatuada. Cervejeira de carteirinha e louca por cachorros (principalmente bulldogs). Além do sorriso no rosto, mantém paixão absoluta por bacon e sexo.

compartilhe esse post

Comentários

  1. Cadu disse:

    90% dos problemas pessoais podem ser resolvidos com conversa… os outros 10% apenas com armas de fogo mesmo

  2. Como sempre outro excelente texto! Tem gente que prefere partir pro quebra-pau ou simplesmente humilhar os outros.. já penei bastante por causa de gente assim. E concordo contigo quanto diz que tudo se resolve com uma boa conversa. Sinceridade sempre!

  3. elaine disse:

    Báh tu é foda…atingiu bem no cerne… =)))

  4. @Davi_M_Moreira disse:

    Mandou muito bem! Texto excelente, muito bom mesmo! Parabéns!

  5. Marcelo Vital (@mronze) disse:

    Mandou muito bem, gatona. Tem muita coisa no mundo que dá merda simplesmente por orgulho e gente q não admite q errou só pra não pedir desculpas. E com isso se acabam de casamentos a amizades superficiais, e todos sofrem. Definitivamente prefiro ser feliz do que orgulhoso e PENSAR q tenho razão em tudo.

  6. WIlson disse:

    As palavras impensadas e ditas – essas não voltam, e como flechas envenenadas não matam, mas intoxicam aos poucos a alma atingida.
    Até hoje busco me aproximar desse ideal que voce descreveu tão bem no texto.
    Mas como ser humano estúpido e míope, ainda não aprendi como me portar na vida.
    Só agora, lendo textos como os seus e – pasmem, também obervando os animais e seus modos simples e reto de cuidar de cada dia unicamente por vez, começo a sentir que preciso(amos) mudar. Não tem que ser rápido não. Tem que ser JÁ, porque no próximo minuto poderá ser tarde.
    Valeu
    Wilson

  7. […] Texto: Guardar sentimentos dói […]