Tintas e retalhos
24ago

Tintas e retalhos

postado por em 24/08/2017

Texto escrito por um amigo próximo, Dave Raans. Sugestão particular de trilha sonora, AQUI. “Certas coisas não vida você não procura: elas te acham onde e quando querem, na hora que o destino acha certo e normalmente, quando você menos espera. Às vezes o racional decide o que é melhor pra você e, por lógica, faz todas as escolhas conscientes, procurando maiores chances de felicidade. Mas...

continue lendo
Você me fode (o juízo)
22ago

Você me fode (o juízo)

postado por em 22/08/2017

Leia esse texto ao som dessa música. Eu sempre achei o conceito de felicidade um bagulho bem abstrato, mas descobri recentemente que ele tem olhos castanhos. E confesso, tampouco teria notado seu sorriso se não fosse um acaso do destino qualquer me batendo à porta no timming perfeito. Não porque você não seja notável, mas porque meus olhos estavam fechados. É que nessa altura da vida poucas...

continue lendo
Estamos pobres
21ago

Estamos pobres

postado por em 21/08/2017

Leia esse texto ao som dessa música. Nossa geração é pobre em sinceridade. — Felipe Maziero (@felipe_dmz) August 21, 2017 “Nossa geração é pobre em sinceridade”. Seria só mais um tweet aleatório na minha TL se não fosse tão honesto – e preocupante. De fato, tenho lido por aí que nas novas “regras implícitas de relacionamento”, ganha quem demonstra menos. Mas ganha o...

continue lendo
Girassóis mortos
26jul

Girassóis mortos

postado por em 26/07/2017

[Leia esse texto ao som dessa música] Hoje fugi de mim: deixei o coração de lado e finalmente ouvi a voz da razão, que há tanto me apurrinhava nas noites de sofrimento e choro em silêncio. A pior parte é que,  quando analisando a sangue frio, você nunca me fez promessas. Nunca disse que me queria pra você com todas a letras. Na verdade, você nunca disse nada com clareza e é triste admitir que eu...

continue lendo
Inverno
18jul

Inverno

postado por em 18/07/2017

[Leia ao som dessa música] Os dias tem sido mais cinzas e frios que o de costume. E sabe, eu poderia até culpar o inverno, sempre tão carregado de tristeza, solidão e melancolia; mas seria uma grande mentira fazê-lo. O que tem me preocupado de verdade é vê-la assim, tão apagada e cabisbaixa. Logo ela, sempre tão lua cheia, sorriso constante, feita de alegria e simplicidade grátis. Quebra-me um...

continue lendo
Página 1 de 19812345...Última »