PAREM DE SER TÃO CHATOS!

critico

 

Sério, o que aconteceu com vocês?

Que bicho picou, que catástrofe mundana aconteceu? Que raio de volta o mundo deu que vocês ficaram tão chatos? De repente todo mundo virou expert e formador de opinião em todo e qualquer assunto: uma necessidade ABSURDA de ter um pitaco sobre tudo.

Porque a primeira reação à qualquer ideia tem que ser criticar? Porque vocês se atentam à tantos detalhes babacas e idiotas e deixam de ver o cenário geral de uma forma positiva?

Vocês estão sufocando a criatividade, caralho! O lado criativo de tudo sofre cada vez mais cortes, por pensar em tantos cenários e tanto detalhe tolo pra não “ofender” ninguém que tudo fica cada vez mais chato.

Cadê aquela paixão dos brasileiros, que lutaram tanto a favor da liberdade de expressão? Porque vocês mesmos insistem em fomentar padrões ou opiniões de coisas que às vezes nem tem conhecimento suficiente pra falar? CADÊ A PORRA DO SEU SENSO DE HUMOR?

E isso vale pra coisas pequenas (picuinhas internas, indiretinhas nas redes pra pessoas que você mal conhece, ter que “tomar o lado” do fulano porque não gosta do beltrano) até grandes campanhas de marcas famosas.  Tenho a impressão que vocês tem censurando tanta coisa que logo a internet vira TV: chata, cheia de cagação de regras e BORING.

Digo mais: sabe o que parece? Que vocês vivem procurando inimigos e problemas, só pelo prazer de criticar e parecer influente: “nossa, tenho briga com o Zé de 40 mil seguidores e com as marcas X, Y e Z, porque tenho opinião”. Pra mim, você tem é falta de rola, isso sim.

Por gentileza, pensem melhor antes de sair criticando e compartilhando sua opinião de maneira tão negativa à não acrescentar nada pra ninguém. E PAREM, APENAS PAREM DE SER TÃO CHATOS E ENCRENQUEIROS.

A saúde da internet (e a minha mental) agradecem. Obrigada.

Amanda Armelin dia 16 de outubro de 2013
Um comentário
compartilhe

O tweet que mudou a minha vida

Há anos as pessoas reclamam da minha postura na internet: algumas acham que eu me exponho demais ou que deveria falar menos sobre minha vida pessoal.

Claro que existem vários prós e alguns contras em ter uma vida online; mas com certeza todos eles me deram histórias divertidas para contar: gente que apareceu do nada em bares que dei checkin só pra me conhecer, gente que pediu abraço na balada, gente que me stalkeou no metrô, no ônibus; presente surpresa, bilhetes e flores anônimas e até brinquedos eróticos.

Não fosse pela internet, eu não teria conhecido meus melhores amigos. Não teria tantos contatos profissionais e nem conheceria tanta gente pelo Brasil afora como tenho orgulho de dizer que conheço hoje. Acho que não custa ser simpática e não dói lutar pelas causas que acredito. Se tudo isso me trouxer gente divertida pra vida real, que mal há?

Em anos de internet, as redes sociais já me ajudaram a solucionar problemas dos mais variados níveis: troca de emprego, adoção e ajuda de animais, promoções, viagens, eventos, pessoas, causas nobres, enquetes idiotas, textos, divagações e opiniões sobre todos os assuntos possíveis. O apelo textual e visual de tudo que eu posto é forte: a mesma menina toda tatuada, de fotos semi-nas espalhadas por aí, também fala de amor e de sexo, da maneira que a convém.

Claro que existe julgamento, preconceito, fofoce  e mal entendido. Mas também existe admiração, compartilhamento de ideias, novas pessoas para conhecer e muitas histórias para contar. Existe gente que confia e acredita na minha capacidade, que se identifica com minhas causas e que entende realmente quem eu sou. E é por elas, que eu continuo aqui.

Um certo dia, a internet mudou a minha vida: tuitei que casaria com alguém que me desse uma cachorrinha (especificamente da raça buldogue inglês) pra chamar de Gaia. Algumas piadas e retweets depois, um seguidor me disse que podia me dar uma, e que nem queria nada em troca.

Claro que não acreditei. Mas a história foi ficando séria, tomando forma, e em alguns dias descobri que não era mentira mesmo. Claro que quando a esmola é demais, o santo desconfia, mas com ele era diferente: ele explicou que me admirava pelas atitudes, que simpatizava com minhas causas, que tinha condições de me dar e que seria legal me dar um presente que eu queria tanto.

De olhinhos brilhantes, sonhei por semanas a fio com aquele focinho gordo me abraçando.

Hoje, recebi a foto dela, e agendei local e horário de pegá-la no fim de semana. Logo, me dei conta que a internet me deu mesmo, uma pessoa incrível, um amigo novo e o melhor presente da minha vida – tudo num tweet só.

Claudio, nem em um milhão de anos eu conseguiria expressar a alegria que você me causou com esse presente. É por pessoas de coração lindo como o seu que a vida segue valendo à pena. E pode ter certeza que cuidarei da Gaia o melhor possível, e que sempre, sempre e sempre me lembrarei do que você está fazendo por mim. Obrigada. Um milhão de vezes, obrigada.

Amanda Armelin dia 17 de maio de 2013
Um comentário
compartilhe

Como (não) falhar no relacionamento marca x consumidor online

Li essa apresentação e pensei: É EXATAMENTE ISSO!

Super inspiradora, deveria ser estudo obrigatório pras marcas entenderem como REALMENTE lidar com seu público.

Vale a leitura:

How to (not) Fail from Martin Weigel

SaiDaqui!

Amanda Armelin dia 5 de março de 2013
Comente aqui
compartilhe

Links de SEXta #65

@naitman dia 1 de março de 2013
Comente aqui
compartilhe

Papel, caneta e gente de verdade

Somos oficialmente a geração dos distraídos.

Esse nós, formado por um monte de gente com intelecto preguiçoso, deixando tudo a mercê da máquina e da tecnologia, cheio de lembretes, alarmes e notas para nos lembrarmos de lembrarmos de algo.

Essa população formada por gente que dá preferência para o celular do que à pessoa em sua frente, que interrompe conversas pra dizer alô ou acha que basta abaixar a cabeça enquanto o outro fala, e ele checa seu smartphone.

É um extremo abismo de impessoalidade, um exagero de falta de olho no olho. De contato.

Gente que namora sem encostar mesmo quando pode estar junto, só porque coloca o telefone no meio. Gente esquece o aniversário da mãe porque não logou no Facebook durante o fim de semana. Gente que vive mandando e-mail pra si mesmo, gente que se sente pelado sem o celular (sai sem a carteira, mas o celular nunca esquece).

Gente que prefere o computador, que evita conversar com gente real. Gente que pede em namoro via Twitter, que diz e sente e expressa tanto num blog e falha miseravelmente em todos os relacionamentos que tem.

Gente que luta por 999 causas, mas nenhuma delas que o tire da frente do computador. Gente que acha que compartilhar uma foto vai mudar o mundo.

Tenho vergonha de passar 10h de trabalho na frente do computador e ao chegar em casa querer liga-lo antes mesmo de tomar banho. Tenho inveja da geração que teve que ganhar respeito no grito, no tapa, na discussão de boteco. Sinto falta de abraço, de beijo e de cafuné.

Menos foto no Instagram, mais convite pra comer comida de verdade, por favor.

Mais aproveitar a comida, menos tuitar que está comendo, por favor.

Menos Google e mais discussão intensa sobre opiniões diversas, por favor.

Sei lá. Acho que ainda acredito em papel e caneta e em gente que gosta mais de gente do que de computador.

SaiDaqui!

Amanda Armelin dia 12 de dezembro de 2012
3 comentários
compartilhe

Links de SEXta #54

@naitman dia 7 de dezembro de 2012
Comente aqui
compartilhe

Sobre internet, imaginação e sexo.

Nunca haviam se visto.

Contentavam-se com algumas palavras trocadas via internet de tempos em tempos, uma vez que ambos namoravam outras pessoas por mais tempo do que podiam se lembrar.

Mas quando se falavam, era como se conhecessem há anos e que, a qualquer momento estuprar-se-iam. Era uma vontade intensa e contida de transar que nunca havia sido dita ou demonstrada, por nenhum dos dois, mesmo que ambos sentissem.

Eles sabiam, que se um dia se encontrassem, teriam problemas para se controlar.

Ele sempre a imaginara macia, cheirosa. De pele levemente morena e altamente beijável. Na imaginação que ele algumas vezes levara consigo para o banheiro, ela tinha dedos compridos, mãos suaves (sempre pintadas de vermelho) e um beijo que conseguia ser intenso e delicado ao mesmo tempo.

Sabia que podia falar besteiras ao seu ouvido e depois do sexo (imaginário) tratá-la com toda a ternura do mundo, pois assim o era também. Gostava de possuí-la em sua mente, onde puxava-lhe os cabelos de quatro enquanto ela sempre gemia alto e pedia mais.

Transavam sempre no banho (dele) e habitava vários de seus sonhos eróticos. Aparecia sempre de fio dental, exclusivamente preto, já que contornava todo o colorido das tatuagens que possuía pelo corpo.

Tinha curvas que suas mãos já conheciam de cor e salteado, mesmo sem nunca tê-la visto pessoalmente. E apesar de todo o tesão e vontade que nutria, nunca deixara de tratá-la bem quando conversavam. Tinha um misto de culpa do que nunca aconteceu com desejo intenso de que um dia acontecesse de verdade.

Sumiram-se um do outro por uns tempos. Até que deram risada, anos mais tarde, ao descobrir que habitaram mutuamente o sonho erótico um do outro enquanto nada permitia a coragem de dizê-lo. Agora, casados há 10 anos e com dois filhos, sentiam-se à vontade para rir do que a internet uma vez uniu sem precisar ter realmente dito. E comemoraram transando ainda melhor do que qualquer dia haviam imaginado.

Amanda Armelin dia 6 de dezembro de 2012
3 comentários
compartilhe

Links de SEXta #51

@naitman dia 16 de novembro de 2012
Comente aqui
compartilhe

101 sites mais úteis da internet

Tempos atrás fiz no Youpix um post sobre  os 101 sites mais úteis da web. Não custa postar de novo!

Ê, mão na roda, hein?

Todos esses links e mais outros 50 que não estão na lista abaixo fazem parte do livro The Most Useful Websites (que você pode comprar aqui) e este post traduzido diretamente daqui.

Tá esperando o quê pra conferir um a um?

 

01. screenr.com – Grave vídeos do seu desktop e mande diretamente para o Youtube
02. bounceapp.com – Para capturar screenshots em tamanho completo de páginas da web
03. goo.gl – Encurtar URLs e transformá-las em QR codes
04. untiny.me – Encontrar a URL original por trás de uma URL encurtada
05. qClock – Saber a hora local de uma cidade usando Google Map
06. copypastecharacter.com – Copiar caracteres especiais que não ficam no teclado
07. postpost.com – Uma ótima ferramenta de busca para Twitter
08. lovelycharts.com – Criar flowcharts, diagramas, sitemaps, etc
09. iconfinder.com – O melhor lugar para encontrar ícones de todos os tamanhos
10. office.com – Download de templates, clipart e images para pacote Office
11. followupthen.com – A maneira mais fácil de criar lembretes por email
12. jotti.org – Escanear qualquer arquivo suspeito ou anexos contra vírus
13. wolframalpha.com – Conseguir respostas diretamente, sem busca- mais detalhes em wolfram tips.
14. printwhatyoulike.com – Copiar páginas web sem precisar cortá-las
15. joliprint.com – Reformata artigos e conteúdo de blog como um jornal
16. ctrql.org – Ferramenta de busca para RSS feeds.
17. e.ggtimer.com – Um simples timer para suprir suas necessidades diárias
18. coralcdn.org – Se um site está fora por alta quantidade de tráfego, tente acessá-lo via CoralCDN
19. random.org – Escolher números randômicos, jogar cara ou coroa, etc.
20. pdfescape.com – Para conseguir editar arquivos em PDF direto no browser
21. viewer.zoho.com – Assistir PDFs e apresentações diretamente no browser
22. tubemogul.com – Upload de vídeos diretamente no YouTube e em outros sites de vídeo, simultâneamente
23. dabbleboard.com – Seu quadro branco virtual
24. scr.im – Compartilhe seu endereço de email sem se preocupar com spam
25. spypig.com – Para enviar receitas direto no seu email
26. sizeasy.com – Visualizar e comparar o tamanho de qualquer produto
27. myfonts.com/WhatTheFont – Determinar rapidamente o nome da fonte utilizada, a partir de uma imagem
28. google.com/webfonts – Uma ótima coleção de fontes open source
29. regex.info – Encontrar dados escondidos em suas fotos – veja mais em EXIF tools.
30. livestream.com – Transmitir eventos ao vivo pela web, incluindo seu desktop
31. iwantmyname.com – Auxilia a buscar domínios dentro de todas as TLDs
32. homestyler.com – Projete/desenhe de um rascunho inicial ou remodele sua casa em 3d
33. join.me – Partilhe sua tela com qualquer pessoa online
34. onlineocr.net – Para reconhecer textos de PDFs escaneados – veja mais OCR tools
35. flightstats.com – Veja os status de qualquer vôo em qualquer aeroporto do mundo
36. wetransfer.com – Para compartilhar grandes arquivos online
37. pastebin.com – Um clipboard temporário para seus textos e pedaços de código
38. polishmywriting.com – Corretor ortográfico para erros de digitação ou gramaticais
39. marker.to – Para grifar as partes mais importantes das páginas
40. typewith.me – Trabalhe no mesmo documento com várias pessoas editando-o
41. whichdateworks.com – Planejando um evento? Encontre uma data que funcione para todos
42. everytimezone.com – Uma maneira menos confusa de ver todas as time zones do mundo
43. gtmetrix.com – A ferramenta perfeita para medir a performance do seu site online
44. noteflight.com – Imprimir folhas pautadas para música, escrever suas próprias músicas online (review)
45. imo.im – Conversar com amigos no Skype, Facebook, Google Talk, etc de um único local
46. translate.google.com – Traduzir páginas, PDFs e documentos do pacote Office
47. kleki.com – Criar pinturas e rascunhos com uma infinita gama de pincéis
48. similarsites.com – Descobrir novos sites, parecidos com os que você já gosta e conhece
49. wordle.net – Rapidamente resumir textos longos com nuvem de tags
50. bubbl.us – Criar mind-maps e ideias de brainstorm no browser
51. kuler.adobe.com – Conseguir sugestões de cor ou extrair cores de fotografias
52. liveshare.com – Compartilhe suas fotos em formato de álbum imediatamente
53. lmgtfy.com – Quando seus amigos são preguiçosos demais para usar o Google sozinhos…
54. midomi.com – Para quando você precisa encontrar o nome de uma música
55. bing.com/images – Para encontrar automaticamente e no tamanho perfeito o papel de parede do seu mobile
56. faxzero.com – Mandar fax online de graça
57. feedmyinbox.com – Receber RSS feeds como um jornal no email
58. ge.tt – Mande rapidamente um arquivo para alguém, e permite preview antes de executar o dowload
59. pipebytes.com – Transferir arquivos de qualquer tamanho sem utilizar servidores de terceiros
60. tinychat.com – Criar uma sala de chat particular em segundos
61. privnote.com – Criar texto que será automaticamente destruído depois de lido
62. boxoh.com – Acompanhar o status de envio por correio via Google
63. chipin.com – Para quando você precisa levantar fundos para evento ou causa
64. downforeveryoneorjustme.com – Para descobrir se seu site favorito está offline ou não
65. ewhois.com – Encontre os outros sites de uma pessoa através de um caminho inverso de analytics
66. whoishostingthis.com – Encontre o host de qualquer site
67. google.com/history – Encontrou no Google mas não se lembra?
68. aviary.com/myna – Um editor de áudio online – para gravar e remixar
69. disposablewebpage.com – Crie uma página temporária que se auto-destrói
70. urbandictionary.com – Encontre definições para gírias e linguagem informal
71. seatguru.com – Consulte esse site antes de escolher o assento do seu próximo vôo
72. sxc.hu – Download grátis de imagens
73. zoom.it – Veja imagens em altíssimas resoluções sem precisar rolar a tela
74. scribblemaps.com – Cria facilmente locais customizados no Google Maps
75. alertful.com – Cria alertas via e-mail para eventos importantes
76. encrypted.google.com – Permite que seu chefe não veja seus critérios de busca
77. formspring.me – Pergunte ou responda coisas pessoais aqui
78. sumopaint.com – Excelente editor de imagem online (baseado em camadas)
79. snopes.com – Descubra se a oferta que chegou por e-mail é spam
80. typingweb.com – Aulas online e práticas de digitação
81. mailvu.com – Para enviar vídeos por e-mail
82. timerime.com – Cria uma timeline com áudio, vídeo e imagens
83. stupeflix.com – Faz um filme com suas imagens, vídeos e áudio
84. safeweb.norton.com – Confira o nível de confiança de qualquer página
85. teuxdeux.com – Uma lista de coisas para fazer que parece um  diário
86. deadurl.com – Você vai precisar disso quando suas páginas favoritas forem deletadas
87. minutes.io – Para capturar notas rápidas de reuniões
88. youtube.com/leanback – Assitir canais do Youtube no modo TV
89. youtube.com/disco – Rapidamente cria uma playlist do seu artista favorito
90. talltweets.com – Para enviar twits maiores que 140 caracteres
91. pancake.io – Cria um site simples, usando sua conta no Dropbox
92. builtwith.com – Encontre a tecnologia utilizada em qualquer website
93. woorank.com – Vasculhe qualquer página com uma perspectiva SEO
94. mixlr.com – Transmita som ao vivo pela web
95. radbox.me – Favorite vídeos para assistir mais tarde
96. tagmydoc.com – Inclua QR codes nos seus documentos e apresentações
97. notes.io – A maneira mais fácil de escrever lembretes
98. ctrlq.org/html-mail – Envie e-mails anonimamente no formato rich-text
99. fiverr.com – Contrate pessoas para fazer qualquer coisa por 5 dólares
100. otixo.com – Gerencie seus arquivos das contas de Dropbox, Google Docs, etc
101. ifttt.com – Crie uma conexão entre todas as suas contas/perfis online

 

E aí? Quantos deles valem uma favoritada pra você?

Amanda Armelin dia 22 de agosto de 2012
3 comentários
compartilhe

O futuro da infância…

…eu espero sinceramente que não seja esse.

"Meu vô tá me mostrando um negócio chamado pipa #TENSO"

SaiDaqui!

Amanda Armelin dia 17 de julho de 2012
Comente aqui
compartilhe

« Página anterior

pesquisa

contato

RSS Feed