Eu te odeio, mas também te amo
07fev

Eu te odeio, mas também te amo

postado por em 07/02/2017

Eu pensei em trinta e quatro formas diferentes de começar esse texto, mas acho que a única que contém a sinceridade e intensidade que eu preciso é confessando que te odeio. Na verdade, te odiei desde o primeiro minuto que te vi, com esses olhos de águas profundas e sedentos por serem redescobertos em meio ao cheiro do teu perfume forte que me embriagou todos sentidos e fez sentir o coração parar...

continue lendo
Náufrago
18jan

Náufrago

postado por em 18/01/2017

Leia esse post ao som dessa música. Desculpa se o que eu tenho pra dizer soar levemente raivoso: é que tenho me afogado em silêncio há tempo demais pra continuar sorrindo amarelo e fingindo que não me importo. É que descobri (embora um pouco tarde) que quem ama por dois se desama por completo, e assim tuas migalhas como num passe de mágica passaram a não mais me alimentar. E eu descobri que...

continue lendo
Fui escrota
09jan

Fui escrota

postado por em 09/01/2017

A carta de hoje vem da Renata Poskus, uma leitora que talvez tenha deixado o amor passar meio que sem querer e está aqui hoje para tentar se redimir com o sortudo. Quem sabe o SaiDaqui transforme amor sonhado em realidade, não é mesmo? Boa sorte, Renata!   Eu já estava muito cansada, havia desistido. Tava crente que ia ser a tia solteirona pirigorda dos 15 gatos. Não por ninguém me querer,...

continue lendo
Isto fica feliz em ser útil
05jan

Isto fica feliz em ser útil

postado por em 05/01/2017

  Escutei de vários dos homens que passaram por minha vida pra fazer história (longa ou efêmera) no capítulo entitulado “amor” e decidiram não ficar o feedback de que eu havia “elevado a barra” na vida deles. E nos mais variados sentidos: sexo, amor, romantismo, maturidade, família, finanças, garra, sonhos, planos, coragem, motivação. E, honestamente, isso tem me...

continue lendo
Eu te odeio
04jan

Eu te odeio

postado por em 04/01/2017

  Nós fomos um belo casal. Todo mundo dizia que éramos opostos que se complementavam e que era inspirador ver como nos tratávamos. De fato, nunca faltou amor: havia romantismo, havia cuidado, havia amizade. Te admirei ainda mais quando fez dos meus filhos os teus e por toda a maneira que os tratou enquanto estivemos juntos: a cada passeio no parque, banho, viagem, médico, bronca, mimo,...

continue lendo
Mas ela foi feliz
23nov

Mas ela foi feliz

postado por em 23/11/2016

Texto inspirado por ESSA MÚSICA LINDA E INCRÍVEL que descobri essa semana. Conheci uma menina que sorria com os olhos. Ela tinha um jeito diferente, algo de intenso e delicado que se harmonizava a ponto de parar um furacão num estalar de dedos se ela assim quisesse. Dona de uma beleza rara e intensa, que parecia vir de um plano além do físico pra brindar o olhar de quem se atrevia a encará-la....

continue lendo
Página 3 de 11312345...Última »